DA Prom

Visitantes

27661
HojeHoje71
OntemOntem283
Neste MêsNeste Mês8623
TodosTodos27661
Promoção de Oficiais de Carreira (QAM)
Filtrar Título     Exibir # 
# Título do Artigo Acessos
1 Quando minha turma será promovida? 850
2 Qual a legislação base, de fácil consulta? 511
3 Onde posso ter conhecimento do sistema de pontuação para os QA? 576
4 Como é o trabalho da Comissão de Promoção de Oficiais? 433
5 Quando o militar toma conhecimento dos Quadros de Acesso e das Vagas? 505
 

Promoção de Oficial QAO - Dúvidas frequentes

O militar que não possuir nenhum TAF com menção mínima “R”, no período de dezoito meses precedente à data de promoções, pode ser promovido?

Não. A Portaria nº 135 do Comandante do Exército, de 19 de março de 2007, prevê condição essencial para à promoção do militar, a existência de um TAF válido, ou seja, conceito no mínimo “R” em algum TAF realizado nos dezoito meses que antecederem a data da promoção.

O militar julgado “incapaz temporariamente para o serviço do Exército”, em inspeção de saúde específica para a promoção, pode ser promovido?

Sim, a incapacidade física temporária, verificada em inspeção de saúde, não impede o ingresso em QA, nem a consequente promoção, conforme prevê a Portaria nº 135 do Comandante do Exército, de 19 de março de 2007, desde que o militar esteja com um TAF válido, ou seja, conceito no mínimo “R” em algum TAF realizado nos dezoito meses que antecederem a data da promoção. Os militares julgados “aptos para o serviço do Exército com recomendações” também podem ser promovidos, porém com as mesmas exigências relativas ao TAF. Os militares julgados incapazes definitivamente estão impedidos para as promoções.

Os pontos da avaliação na graduação de subtenente equivalem à média do perfil que é disponibilizado em 30 Ago?

Os pontos referentes à avaliação na graduação de subtenente correspondem à média dos valores de todas as fichas de avaliação emitidas na graduação de subtenente e processadas pela D A Prom, multiplicada por 7,3 (§ 2º do art. 6º da Portaria n º 1.496, de 11 de dezembro de 2014, aprova as Instruções Gerais para Ingresso e Promoções no Quadro Auxiliar de Oficiais, 1ª Edição, 2014(EB 10-IG-02.005), ou seja, a média utilizada para a promoção (e multiplicada por 7,3) não é aquela constante do perfil, uma vez que este pode incluir fichas emitidas em outras graduações.

Como o relator decide quantos pontos serão atribuídos para cada militar?

Não é o relator que define quantos pontos que serão concedidos, e sim a CP-QAO, composta por um oficial general , sete oficiais superiores e sete sub-relatores. As informações constantes no RIP; o rendimento escolar; os aspectos relevantes da vida profissional do militar consignados na Ficha Cadastro; os atributos constantes do perfil do avaliado e nas Fichas de Avaliação do Desempenho do subtenente e outros aspectos a cargo da CP-QAO servem como parâmetro para posicionamento dos militares em QAM. Após esse posicionamento, é que são atribuídos os pontos, que podem variar de 0 até 49 (§ 4º do art. 6º da Portaria n º 1.496, de 11 de dezembro de 2014, aprova as Instruções Gerais para Ingresso e Promoções no Quadro Auxiliar de Oficiais, 1ª Edição, 2014 (EB 10-IG-02.005).

Tenho componentes da profissão militar (SVM), publicados antes do encerramento das alterações, porém não inseridos na minha Ficha Cadastro. Os pontos serão computados para a promoção em curso? Qual o procedimento para cadastra-los?

Os militares incluídos nos limites devem entregar a essa Comissão, mediante Documento Interno do Exército (DIEx), cópias dos seguintes documentos: Ficha de Valorização do Mérito; Ficha Cadastro; Ficha Disciplinar; e Declaração de próprio punho que não responde a processo criminal na Justiça Comum, Federal ou Militar, informando as alterações existentes, mesmo negativamente, e anexando, aquelas fichas, os documentos necessários à correção das alterações encontradas, observados os prazos previstos. Cabe ao Cmt, Ch ou Dir tomar providências dentro da esfera de suas atribuições e quando não for possível informar ao órgão responsável, conforme legislação em vigor, as alterações encontradas pela Comissão de Exame, referente às informações contidas na Base de Dados Corporativa de Pessoal (BDCP), observados os prazos disponíveis e a competência de cada órgão com missão de atualização da BDCP, bem como encaminhar àqueles órgãos, os documentos que comprovem a situação do militar, desde que tenham sido oportunamente publicados, até a data de encerramento das alterações para os devidos processos, e homologados na BDCP, até a data de encerramento das alterações para a promoção em curso (Art 22 § 2º da Portaria nº 240-DGP, de 13 de outubro de 2013, que aprova Instruções Reguladoras para o Sistema de Valorização do Mérito dos Militares do Exército (EB 30-IR-60.001) e § 4º do Art 5º e § 2º do art. 6º da Portaria n º 1.496, de 11 de dezembro de 2014, aprova as Instruções Gerais para Ingresso e Promoções no Quadro Auxiliar de Oficiais, 1ª Edição, 2014 (EB 10-IG-02.005).

Como é calculada a pontuação do subtenente em quadro de acesso por merecimento (QAM)?

Conforme previsto no art. 6º da Portaria n º 1.496, de 11 de dezembro de 2014, aprova as Instruções Gerais para Ingresso e Promoções no Quadro Auxiliar de Oficiais, 1ª Edição, 2014 (EB 10-IG-02.005), a pontuação do subtenente em quadro de acesso por merecimento, de acordo com o previsto no art. 5º do RIPQAO, corresponderá à soma algébrica do total de pontos da Ficha de Valorização do Mérito, dos pontos da Avaliação do Desempenho na graduação de subtenente e dos pontos apurados pela CP-QAO.

Pertenço à turma que está nos limites para a promoção, porém não fui incluído no QA, como devo proceder?

Consultar a portaria do EME que publicou os limites para organização do QA a fim de confirmar se deveria ter sido incluído. Verificar, também, se incorreu em alguma situação que implique perda do tempo de serviço, o que provoca reposicionamento no Almanaque, tais como LTSPF por mais de um ano, LTIP, condenação judicial, afastamento da Força etc. Se não constatar motivo que o impeça de constar nos limites, informar, com urgência, a D A Prom.

Aconselha-se o militar verificar a Portaria nº 006-EME, de 9 de janeiro de 2015, que aprova o Processo de Ingresso e de Promoções no Quadro Auxiliar de Oficiais (QAO) e de Promoções de Subtenentes e Sargentos de Carreira, exceto os do Quadro Especial (QE).

Quando são publicados os limites para organização dos quadros de acesso, os quadros de acesso e o número de vagas para a promoção?

Conforme o ANEXO - CALENDÁRIO PARA O PROCESSAMENTO DAS PROMOÇÕES Portaria n º 1.496, de 11 de dezembro de 2014, aprova as Instruções Gerais para Ingresso e Promoções no Quadro Auxiliar de Oficiais, 1ª Edição, 2014 (EB 10-IG-02.005).

 

 



Promoções de  01 Jun

Promoções de  01 Dez

Divulgação  dos

limites para organização

dos QA

Até 10 Dez de A-1

Até 10 Jun

Divulgação dos QAM

Até 21 Abr

Até 21 Out

Divulgação do número de vagas

Até 18 Maio

Até 18 Nov

 

QGEx - Bloco "D" 2° Piso, SMU Brasília-DF |
Desenvolvido por: Seção de Informática | DA Prom | usando: Joomla!
Copyright © DA Prom Todos os direitos reservados.